CLÉU ARAÚJO
Crônicas Contos Aforismos Fatos Invenções

Cozinheiras amadoras, cibernéticas e indecisas

por: Cléo Araújo

17 MAI

2006

participação especial: Silvia

Oi, eu descobri o segredo do açúcar em excesso no doce de abóbora da receita que você pegou do site Cyber Modern Cooker… Veja…

Cadê?

Calma… Estava esperando você demonstrar interesse nessa conversa.

Hehehe…

Então… Na receita do Cyber Modern Cooker eles dizem: “escolha uma abóbora madura, descasque e corte em cubos. PESE. Separe o mesmo peso em açúcar.”

Sim?

Ou seja, embora eles mandem usar o mesmo tanto de açúcar e abóbora, não significa que se sua abóbora pesa 1 kg você deva usar 1 kg de açúcar, entende? Ou eu também viajei?

É, acho que pode ter sido este o erro…

Aí, por outro lado, naquela outra receita, do I Pod Make Food, eles mandam usar 500 kg de abóbora e 200 g de açúcar.

500 kg de abóbora?

Desculpe, 500 g .

Hehehe

Nossa, imagine meia tonelada de doce de abóbora?

Hehehe. Então, mas eu tinha entendido que era para usar o mesmo tanto de açúcar e abóbora…

Eu também entendi isso.

Mas a receita da Cyber Modern Cooker é mais interessante.

É?

E realmente não precisa colocar o mesmo tanto…

Mas você usou 1 kg de açúcar para a abóbora já descascada, certo?

É, senão vai ficar muito doce…

Hum… Devia ter menos de 1 kg de abóbora… Mas enfim, você acha a receita da Cyber Modern Cooker melhor?

Acho.

Mas elas são super iguais, eu achei, não? As receitas?

Na verdade, 1 kg de abóbora vai dar bastante doce…

É, quanto mais ou menos? E qual abóbora eu devo usar? Moranga?

Na verdade, não lembro agora se aquele doce eu fiz com a receita da Cyber Modern Cooker.

Qual abóbora você usou?

Não lembro, o moço do supermercado me ajudou.

Mas foi moranga?

Não, foi aquela outra verdinha.

Japonesa?

Acho que é paulista…

Bom, mas e as receitas? As duas são parecidas. Na verdade, praticamente idênticas.

É…

Não! Descobri, tem uma diferença essencial.

É? Qual?

A Cyber Modern Cooker manda peneirar a abóbora e a I Pod Make Food manda deixar em cubos…

Usei acho que mais ou menos a metade de açúcar… Meio que de olhômetro… Você só vai perceber mesmo depois que cozinhar a abóbora.

Mas esqueça o açúcar. Sobre o assunto dos cubos, você?

É, mas é melhor você cozinhar bastante a abóbora para depois deixá-la em fiapos.

Mas os cubos?

Fiapos é melhor, eu gosto mais, em cubos acho mais complicado.

Eu também.

Foi como eu fiz.

Então primeiro eu cozinho bem, depois peneiro? Foi assim que você fez?

É, peneira a água, né, não a abóbora.

Ah tá… Você cozinhou com pouca água antes de por o açúcar?

Peneirei para tirar a água, aí quando misturei com o açúcar, comecei a desfazê-la.

Na mão mesmo?

Não, com a colher, porque ela já estava mais mole.

É, quando eu disse com a mão eu quis dizer com a colher, imaginei que ficaria meio difícil enfiar a mão na água fervendo para amassar as abóboras ? .

É… Ahahah. Então, coloque um tanto razoável de água, porque ela solta um pouco também…

Sei.

Mas tipo, cubra os pedaços das abóboras, porque senão a água seca e ela não cozinha.

É, aí vira abóbora grelhada.

Credo.

É, bem ruim.

Bom, já está tarde, e quem está virando abóbora sou eu.

É, eu também. A gente se fala mais tarde. Será que vende doce de abóbora pronto no Pão de Açúcar?

Deixe seu Comentário

Aviso: A moderação de comentários está habilitada e pode atrasar seu comentário. Não há necessidade de reenviar seu comentário.